ANP informa que ainda não autorizou Rnest a produzir diesel

segunda-feira, 17 de novembro de 2014 19:36 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Refinaria do Nordeste (Rnest), da Petrobras, ainda não tem autorização da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para produzir diesel, principal produto da unidade, informou a autarquia nesta segunda-feira.

A previsão da Petrobras era colocar a refinaria em operação neste mês, o que tecnicamente já aconteceu, uma vez que já pode começar a operar a destilação e o hidrotratamento de nafta, matéria-prima básica da indústria petroquímica.

Entretanto, o mais importante para a petroleira é o início da produção de diesel, para que possa reduzir suas importações do insumo para atender a demanda interna.

Além do combustível, a refinaria adicionalmente vai produzir nafta, coque de petróleo, gás liquefeito de petróleo (GLP), dentre outros derivados.

Para iniciar a produção de diesel, a Petrobras ainda depende da autorização da ANP para outras unidades da refinaria.

Nesta segunda-feira a autarquia publicou no Diário Oficial da União (DOU) autorizações para algumas unidades da Rnest.

"As unidades não contempladas na autorização ainda apresentam pendências que deverão ser atendidas pela Petrobras", afirmou a autarquia em nota.

No início do mês, a refinaria obteve licença ambiental para entrar em operação parcialmente, emitida pela agência estadual de meio ambiente de Pernambuco.

A licença da agência estadual era necessária para que a ANP emitisse suas próprias autorizações.   Continuação...