Portugal Telecom é 'obviamente atrativa', diz presidente-executivo

terça-feira, 18 de novembro de 2014 16:12 BRST
 

LISBOA (Reuters) - O negócio da Portugal Telecom é sólido e sua liderança no país a torna "obviamente atrativa", disse o presidente-executivo Armando Almeida nesta terça-feira, ao anunciar novo plano estratégico da operadora, que se fundiu com a Oi.

Em coletiva de imprensa, Almeida declarou que os resultados do terceiro trimestre mostraram o reforço da liderança no mercado português e que a Portugal Telecom está "viva". "Somos obviamente atraentes para várias empresas", disse o executivo.

No dia 12, os fundos de private equity Apax Partners e Bain Capital fizeram oferta conjunta de 7,07 bilhões de euros pelos ativos portugueses da Portugal Telecom, valor mais elevado que a proposta de 7,02 bilhões de euros da companhia francesa Altice.

A empresa de Correios de Portugal CTT também disse que acompanha o processo de venda da Portugal Telecom e analisava oportunidades que criem valor a seus acionistas.

"Apesar de tudo o que se falava, que a empresa estava passando por dificuldades, nossas receitas trimestrais e de nove meses mostraram que ganhamos market share", disse Almeida, que está há três meses no cargo.

As receitas da operadora portuguesa caíram 3,3 por cento, para 610 milhões de euros no terceiro trimestre, com as vendas do segmento empresarial particularmente pressionadas.

OPÇÕES FUTURAS

Na apresentação de resultados da semana passada, a Oi disse que vai vender ativos para fortalecer sua flexibilidade financeira, visando ampliar a geração de valor para o acionista.   Continuação...