Japão informa sobre "acionamento fora do normal" de air bag da Takata

quarta-feira, 26 de novembro de 2014 10:41 BRST
 

TÓQUIO (Reuters) - O Ministério dos Transportes japonês informou nesta quarta-feira que recebeu um relato de "acionamento fora do normal" de um air bag da Takata Corp que não integra um programa existente de recall --levantando a possibilidade de que os recalls possam ser expandidos no Japão.

Autoridades do ministério, regulador da segurança em automóveis do Japão, disse a jornalistas que um air bag do lado do passageiro explodiu ao ser removido de um carro acidentado na prefeitura de Gifu, no centro do Japão, em 6 de novembro, disparando estilhaços metálicos. Ninguém ficou ferido.

"Nesse caso, não sabemos ainda a causa do acionamento fora do normal e não temos informações detalhadas, então estamos instruindo a montadora a determinar a causa e se pronunciar de volta o mais rápido possível", disse Masato Sahashi, diretor do escritório de recalls do ministério.

O ministério não revelou a montadora do automóvel, informando apenas que se trata de um modelo japonês. O carro com modelo de 2003 possuía um air bag Takata com um inflador fabricado em janeiro de 2003.

Autoridades afirmaram que esse inflador em particular, produzido naquele momento, não foi submetido a recalls no Japão, mas pode ter sido parte de um recall mais amplo de algumas montadoras no exterior.

"O tipo de inflador que não funcionou bem neste caso está equipado em outros carros que ainda estão em funcionamento, então isso é útil para determinar se deve haver mais recalls", disse Sahashi.

(Por Mari Saito e Maki Shiraki)