Índice de ações da Alemanha tem maior sequência de alta em 18 meses

quarta-feira, 26 de novembro de 2014 16:05 BRST
 

Por Blaise Robinson

PARIS (Reuters) - O principal índice de ações europeias fechou com leve alta nesta quarta-feira e o índice alemão de blue-chips DAX avançou pela décima sessão seguida, com investidores apostando em mais estímulos monetários do Banco Central Europeu (BCE).

O vice-presidente do BCE, Vítor Constâncio, disse nesta quarta-feira que o banco central pode decidir já no primeiro trimestre do ano que vem se começará a comprar títulos soberanos.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, fechou com oscilação positiva de 0,02 por cento, a 1.389 pontos. Já o DAX teve a maior série de altas diárias desde maio de 2013.

"O sentimento é otimista", disse o operador sênior do Peregrine & Black. "Estamos comprados no DAX porque os Estados Unidos têm tido ótimo desempenho. Apesar de o crescimento lá estar forte, isso já está no preço, mas na Alemanha há mais por vir", acrescentou.

Mas o bom humor foi limitado pela renovada queda de papéis de empresas de serviços de petróleo, com a ação da companhia de sondas de alto mar Seadrill desabando 18 por cento.

A empresa descartou nesta quarta-feira pagar dividendos, tornando-se a mais recente companhia do setor a suspender a remuneração a acionistas em meio à queda dos preços do petróleo, que está forçando importantes petroleiras a reduzir investimentos.

O papel da rival Fulgro caiu 1,5 por cento, a ação da PGS recuou 2,6 por cento e o papel da Afren tombou 3 por cento.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,03 por cento, a 6.729 pontos.   Continuação...