Índice fecha em alta por aposta em estímulo do BCE; Grécia lidera

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014 16:03 BRST
 

Por Francesco Canepa

LONDRES (Reuters) - O principal índice de ações europeias fechou em alta nesta quarta-feira, liderado pelo avanço das bolsas de Grécia, Itália e Espanha, com investidores apostando que o Banco Central Europeu (BCE) pode sinalizar mais estímulos econômicos em sua reunião na quinta-feira.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, subiu 0,54 por cento, a 1.399 pontos.

Os índices ATG, da Grécia; Ibex, da Espanha; e FTSEMib, da Itália tiveram o melhor desempenho na Europa, avançando entre 1 e 1,7 por cento. Os ganhos foram liderados por grandes bancos, que detêm montantes elevados de dívida soberana.

Os rendimentos da dívida italiana caíram abaixo de 2 por cento pela primeira vez, com os equivalentes espanhóis atingindo a mínima histórica de 1,81 por cento. O euro desabou à mínima em 27 meses contra o dólar.

Operadores do mercado monetário consultados pela Reuters disseram que o BCE provavelmente não vai anunciar novos estímulos na quinta-feira.

Mas, de acordo com operadores da bolsa de valores, investidores esperam que o presidente do BCE, Mario Draghi, abra ainda mais a porta para a compra de títulos soberanos na entrevista coletiva.

"O mercado está esperançoso antes da reunião do BCE, amanhã", disse Sara Carbonell, do CMC Markets Spain.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,38 por cento, a 6.716 pontos.   Continuação...