Ações regionais são incentivadas por resiliência da economia dos EUA

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014 08:02 BRST
 

Por Shinichi Saoshiro

TÓQUIO (Reuters) - As ações asiáticas fecharam em alta nesta quinta-feira em meio a novos sinais de resiliência na economia dos Estados Unidos, com a bolsa de Xangai subindo mais de 4 por cento com a continuidade do rali por expectativas de mais estímulos na China.

Às 8h01 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão avançava 0,66 por cento.

O índice japonês Nikkei avançou 0,94 por cento para perto de máximas de 7 anos e meio, com a confiança puxada por projeções da mídia sugerindo vitória forte para a coalizão do premiê Shinzo Abe na eleição de 14 de dezembro. Uma vitória para Abe pode levar a um novo mandato para suas políticas conhecidas como "Abenomics" para reviver a economia.

"Há atividade em antecipação às condições extremamente promissoras que estão nascendo", disse o estrategista-chefe da Tokai Tokyo Research Center, Hiroyuki Nakai.

O índice de Xangai disparou 4,35 por cento conforme o rali por expectativas de que a China irá implementar mais medidas de estímulo não deu sinais de enfraquecimento.

Dados sobre empregos no setor privado e sobre o setor de serviços, divulgados na quarta-feira, salientaram a resiliência da economia norte-americana.