Sueca SCA irá focar em mercados emergentes mais promissores, incluindo Brasil

segunda-feira, 29 de junho de 2015 13:39 BRT
 

ESTOCOLMO (Reuters) - A fabricante sueca de produtos de higiene SCA planeja focar em menos mercados emergentes, incluindo Brasil, China, Índia e Rússia, disse à Reuters o novo presidente-executivo Magnus Groth, detalhando sua estratégia da companhia.

A terceira maior fabricante de lenços de papel do mundo e líder em cuidados para incontinência tem a maior parte de seu negócio na Europa e está investindo para aumentar a proporção de mercados emergentes nas vendas do grupo.

"Vamos fazer menos, porém maiores investimentos, em outras palavras vamos concentrar o crescimento em mercados emergentes em menos países, mas onde possamos dizer 'estamos aqui para o longo prazo e para vencer'", disse Groth em entrevista.

A SCA, que também produz fraldas de bebês e produtos de cuidados femininos, atualmente tem presença em cerca de 100 países. Groth não disse de quais mercados pode sair -- dizendo que isso ainda está sendo avaliado -- mas disse que a nova estratégia vai incluir foco no Brasil, China, Rússia e Índia.

Alguns países podem se tornar exportadores em vez da SCA ter sua própria organização de vendas e produção local, disse ele.

(Por Anna Ringstrom)