Prejuízos da corrupção na Petrobras são maiores que R$6 bilhões, diz procurador

quinta-feira, 2 de julho de 2015 11:17 BRT
 

(Reuters) - Os prejuízos causados à Petrobras (PETR4.SA: Cotações) decorrentes do esquema de corrupção investigado pela Lava Jato são significativamente maiores do que os 6 bilhões de reais apresentados no balanço da estatal, afirmou o procurador do Ministério Público Federal Carlos Fernando dos Santos Lima.

O número da Petrobras é válido para efeitos de balanço, mas é conservador, afirmou o procurador em entrevista à imprensa em Curitiba, após a prisão do ex-diretor internacional da Petrobras Jorge Zelada na manhã desta quinta-feira.

(Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

 
Procurador Carlos Fernando dos Santos Lima  em entrevista à Reuters, em Curitiba  23/66/2015 REUTERS/Rodolfo Buhrer