China diz que manterá cooperação financeira com Grécia

sexta-feira, 3 de julho de 2015 08:46 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A China continuará a promover a cooperação bilateral com a Grécia, inclusive na esfera financeira, e já respondeu a pedidos da Grécia em meio à crise da dívida do país, disse o Ministério das Relações Exteriores da China nesta sexta-feira.

A China vê a Grécia como uma porta de entrada tanto à Europa quanto à África para a distribuição de produtos chineses. A União Europeia é a maior parceira comercial da China, e a China é, por sua vez, a segunda maior parceira comercial da UE.

A China tem declarado repetidamente que deseja ver uma União Europeia unida e um euro forte.

"A China tem usado ações concretas para responder às preocupações e solicitações da Grécia sobre superar a crise", disse a porta-voz do ministério, Hua Chunying, em coletiva de imprensa.

"Vamos continuar, à nossa maneira, a promover sem interrupções a cooperação bilateral prática, incluindo cooperação na esfera financeira, com a Grécia", acrescentou ela sem elaborar.

(Por Adam Rose)