Ministro de finanças da Grécia diz que "Não" favorece democracia e justiça social

domingo, 5 de julho de 2015 17:04 BRT
 

ATENAS (Reuters) - O ministro de finanças da Grécia, Yanis Varoufakis, afirmou que a vitória do "Não" em referendo sobre um pacote de ajuda econômica ao país favorece a democracia e a justiça social e permite que Atenas chame seus parceiros para negociar um acordo justo.

"A partir de amanhã, a Europa, cujo coração está batendo na Grécia hoje, vai começar a curar suas feridas, nossas feridas. Hoje o 'Não' é um grande 'Sim' para uma Europa democrática", afirmou o ministro.