Índice europeu de ações cai, mas não há sinal de alarme antes de cúpula sobre Grécia

terça-feira, 7 de julho de 2015 14:06 BRT
 

Por Alistair Smout e Liisa Tuhkanen

LONDRES (Reuters) - Os índices acionários europeus fecharam em queda nesta terça-feira, conforme a Grécia partiu em uma tentativa desesperada de conquistar novo resgate na cúpula emergencial da zona do euro, considerada a última chance de Atenas para fechar o acordo de resgate.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 1,61 por cento, a 1.476 pontos.

A chanceler alemã, Angela Merkel, disse que os envolvidos têm poucos dias chegarem a um acordo, enquanto autoridades gregas negaram sugestões de que Atenas não apresentou novas propostas para a cúpula emergencial, realizada dois dias após eleitores da Grécia rejeitarem as condições para um novo resgate em referendo.

"Acredito que o que estamos vendo é a decepção de investidores com os gregos. Eles estão simplesmente abandonando ações o mais rápido possível e indo em direção aos portos-seguros comuns", disse o analista de mercado da IG Chris Beauchamp.

Estrategistas do BNP Paribas disseram que o resultado do referendo do domingo não significa que a Grécia tem de deixar a zona do euro, mas que aumenta a chance de que o país sairá para 70 por cento.

. Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 1,58 por cento, a 6.432 pontos.

. Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 1,96 por cento, a 10.676 pontos.

. Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 2,27 por cento, a 4.604 pontos.   Continuação...