Dólar despenca mais de 2% sobre o real com cenário externo mais tranquilo

sexta-feira, 10 de julho de 2015 17:15 BRT
 

Por Flavia Bohone

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou com queda de mais de 2 por cento sobre o real nesta sexta-feira, a mais forte em três meses, acompanhando o otimismo do cenário externo diante da China e da possibilidade de acordo entre a Grécia e seus credores.

A moeda norte-americana caiu 2,30 por cento, a 3,1612 reais na venda, o maior recuo desde 8 de abril (-2,48 por cento), mas acumulando na semana valorização de 0,70 por cento. Segundo dados da BM&FBovespa, o giro financeiro ficou em torno de 900 milhões de dólares nesta sessão.

"Em relação à Grécia, não é que os problemas vão ser resolvidos, mas a expectativa de que se alongue os prazos da dívida neste momento de turbulência dá um alívio", disse o diretor de câmbio do Banco Paulista, Tarcísio Rodrigues.

Na véspera, a Grécia enviou propostas detalhadas de como deve cumprir as condições para receber nova ajuda financeira e o premiê grego, Alexis Tsipras, fez um apelo aos parlamentares de seu partido nesta sexta-feira para que apóiem o plano enviado aos credores.

Durante a tarde, o ministro das Finanças da Grécia, Euclid Tsakalotos, disse ao Parlamento que o país vai conseguir transferir os títulos públicos gregos detidos pelo Banco Central Europeu (BCE) ao Mecanismo Europeu de Estabilidade Financeira (ESM, na sigla em inglês).

Os ministros das Finanças da zona do euro se reúnem sábado para discutir a dívida grega e se o país precisa de alívio como parte das negociações mais amplas por um resgate.

As chances de que a Grécia possa deixar a zona do euro neste ano caíram nesta sexta-feira, segundo casas de apostas, uma indicação que trouxe mais alívio para os investidores financeiros.

Neste cenário, o dólar também recuava diante de outras moedas, como o peso mexicano e o euro.   Continuação...