Taxa de retorno de leilões de portos será de 10%, diz ministério da Fazenda

terça-feira, 14 de julho de 2015 09:23 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Ministério da Fazenda informou nesta terça-feira que mudou os parâmetros de cálculo da Taxa Interna de Retorno (TIR) de referência para os próximos leilões de arrendamentos portuários e, assim, determinou em 10 por cento ao ano para o custo médio ponderado de capital (WACC, na sigla em inglês).

Segundo nota do ministério, o WACC "será utilizado como a taxa de desconto para o cálculo da tarifa máxima ou do valor de outorga dos próximos leilões dos arrendamentos portuários".

(Textp de Patrícia Duarte)