Pequena maioria dos gregos vê acordo para resgate como positivo

terça-feira, 14 de julho de 2015 16:33 BRT
 

ATENAS (Reuters) - Cerca de 51,5 por cento dos gregos acreditam que o acordo para o resgate da Grécia é positivo e um percentual maior da população acredita que o Parlamento do país deve aprová-lo, de acordo com uma pesquisa de opinião divulgada nesta terça-feira.

De acordo com a pesquisa do instituto Kapa Research, feita para o jornal To Vima, realizada no dia 14 de julho, 72 por cento dos participantes disseram que não havia alternativa a não ser um acordo com os credores, enquanto 70,1 por cento disseram que o Parlamento deveria ratificá-lo.

O Parlamento grego deve votar na quarta-feira uma série de aumentos de impostos e reformas previdenciárias que precisam ser aprovadas para que as negociações de resgate com os credores internacionais comecem.

O acordo aumentou a pressão sobre o governo do primeiro-ministro Alexis Tsipras, com vários parlamentares de seu partido de esquerda Syriza ameaçando votar contra. O acordo também gerou oposição dentro do partido minoritário da coalização governista.

A pesquisa mostrou ainda que 58,8 por cento dos entrevistados tinham uma visão positiva da Tsipras.

(Por Michele Kambas)

 
Primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras, chega ao seu gabinete , em Atenas. 13/07/ 2015. REUTERS/Jean-Paul Pelissier