Alta do preço do milho tira urgência de apoio a produtores no Brasil, diz secretário

quinta-feira, 16 de julho de 2015 12:43 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A recente alta nos preços futuros do milho na bolsa de Chicago, referência global para commodities, tira a urgência da discussão de apoio à comercialização do cereal no Brasil, afirmou nesta quinta-feira o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, André Nassar.

Em entrevista a jornalistas após evento em São Paulo, o

secretário disse que programas de sustentação ao preço para Centro-Oeste e a região do "Matopiba" (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia) ainda dependem de acordo dentro do governo.

(Por Gustavo Bonato)