Halliburton bate estimativas de lucro com corte de custos

segunda-feira, 20 de julho de 2015 11:00 BRT
 

(Reuters) - A Halliburton, segunda maior provedora de serviços para campos de petróleo, registrou um lucro trimestral melhor do que o esperado, com cortes de custos ajudando a minimizar os impactos da queda acentuada nas atividades de perfuração.

A empresa também disse que está "totalmente comprometida" em completar a aquisição da concorrente menor Baker Hughes, depois que o Departamento de Justiça dos Estados Unidos estendeu sua revisão do acordo.

O acordo Halliburton-Baker Hughes está enfrentando severa análise regulamentar já que as empresas têm negócios sobrepostos nos EUA, Ásia e Europa.

A companhia está confiante de alcançar sinergia de custos de quase 2 bilhões de dólares, independentemente das condições de mercado ou de movimentos de cortes de custos de qualquer empresa até a data, disse o presidente-executivo Dave Lesar.

O lucro líquido da Halliburton caiu 93 por cento, para 53 milhões de dólares, ou 6 centavos de dólar por ação.

Segundo o serviço Thomson Reuters I/B/E/S, a companhia registrou lucro de 38 centavos por ação, excluindo cessão de depreciação de ativos reservados para venda, custos relacionados a acordos, baixa contábeis e outros custos. O valor ficou acima da expectativa de analistas, de 29 centavos por ação.

(Por Amrutha Gayathri, em Bangalore)