Resultado primário deste ano será melhor do que em 2014; ainda não há decisão sobre meta

segunda-feira, 20 de julho de 2015 12:50 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, afirmou nesta segunda-feira que o resultado primário deste ano será melhor do que de 2014, quando o governo não conseguiu fazer economia para pagamento de juros da dívida, mas acrescentou que ainda não há decisão sobre reduzir a meta deste ano.

Ele repetiu que os números serão divulgados na quarta-feira, quando sai o relatório de receitas e despesas.

(Reportagem de Luciana Otoni; Texto de Patrícia Duarte)