REEDIÇÃO-Petrobras planeja parada de até 60 dias em parte da refinaria de Cubatão

quarta-feira, 22 de julho de 2015 11:01 BRT
 

(Corrige grafia da palavra Cubatão no título de matéria publicada originalmente na terça-feira, 21 de julho)

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras planeja uma parada para manutenção em parte da Refinaria Presidente Bernardes (RPBC), em Cubatão, de 178 mil barris por dia de capacidade, por até 60 dias, informou um sindicato que representa funcionários da unidade à Reuters.

A manutenção terá como foco a unidade de craqueamento catalítico, que tem capacidade para processar 63 mil barris, além de uma unidade de hidrotratamento de diesel e uma unidade de aromáticos, segundo um porta-voz do Sindipetro-LP.

A refinaria é a oitava maior de 16 unidades operadas pela Petrobras e é responsável por cerca de 8 por cento da produção de combustível do país.

O trabalho está previsto para começar no fim de agosto ou no início de setembro e terminar em outubro ou novembro.

O processamento de petróleo e a produção de derivados serão parcialmente afetados pela interrupção, disse o sindicato.

Parte da produção de produtos como diesel, coque e outros dependentes das unidades em manutenção será mantida utilizando matérias-primas e combustíveis armazenados, segundo o sindicato.

A Petrobras disse que não revela as programações de manutenção para o público.

(Por Jeb Blount)