Dilma veta reajuste de salários do Judiciário

quarta-feira, 22 de julho de 2015 08:43 BRT
 

(Reuters) - A presidente Dilma Rousseff vetou o projeto de lei que dá reajuste de até 78,6 por cento aos servidores do Judiciário até 2017, informou o Diário Oficial da União nesta quarta-feira.

Dilma e a equipe econômica do governo já vinham sinalizando que a medida seria vetada pela presidente devido ao impacto no esforço de ajuste fiscal promovido pelo governo.

Aprovado pelo Congresso no mês passado, o reajuste teria impacto de 25,7 bilhões de reais nos próximos quatro anos, passando depois disso para impacto de 10 bilhões de reais ao ano, de acordo com estimativas do Ministério do Planejamento.

"Um impacto dessa magnitude é contrário aos esforços necessários para o equilíbrio fiscal na gestão de recursos públicos", informou a presidente em despacho publicado no Diário Oficial.

O governo fez uma contraproposta aos servidores do Judiciário de um reajuste da ordem de 21 por cento escalonados por quatro anos a partir de 2016.

(Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

 
Presidente Dilma Rousseff. 01/07/2015 REUTERS/Stephen Lam