Bovespa fecha em queda de 1% com apreensão por cena fiscal; bancos e Petrobras pesam

quarta-feira, 22 de julho de 2015 17:04 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa fechou em queda e abaixo dos 51 mil pontos pela primeira vez desde março nesta quarta-feira, com agentes financeiros apreensivos acerca de um esperado corte drástico na meta fiscal do governo, com ações de bancos e Petrobras entre as maiores pressões negativas.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa caiu 1,28 por cento, a 50.814 pontos. O giro financeiro totalizava cerca de 5 bilhões de reais.

(Por Paula Arend Laier)