Recuperação em unidades pequenas ajuda TNT Express antes de aquisição por FedEx

segunda-feira, 27 de julho de 2015 09:58 BRT
 

AMSTERDÃ (Reuters) - A companhia holandesa de logística TNT Express teve crescimento de 4,1 por cento na receita excluindo itens especiais no segundo trimestre, superando as estimativas de analistas, depois que a receita de unidades pequenas e médias recuperou-se globalmente após anos de quedas.

A quarta maior empresa global de logísticas, que em abril aceitou ser adquirida pela rival norte-americana FedEx por 4,8 bilhões de dólares, disse que ainda espera que 2015 seja um ano difícil, marcado por custos de reestruturação e grandes investimentos em instalações de logísticas ao redor do mundo.

"Estamos obtendo bom crescimento no setor de clientes PME após anos de declínio", disse o presidente-executivo, Tex Gunning, em comunicado nesta segunda-feira.

"Temos visto alguns desenvolvimentos positivos na Europa Ocidental, mas continuamos cautelosos dada a volatilidade econômica na China, Brasil, Austrália e Grécia."

As receitas subiram 6,2 por cento, para 1,8 bilhão de euros, ultrapassando o número esperado por analistas ouvidos pela Reuters, 1,7 bilhão de euros. Isso foi auxiliado por um impulso por conta do dólar mais forte, apesar de sobretaxas menores de combustíveis serem um fator desfavorável. A companhia teve lucro operacional de 19 milhões de euros.

(Por Thomas Escritt)