Bolsas europeias têm retomada apoiadas em resultados corporativos e fusões

terça-feira, 28 de julho de 2015 14:02 BRT
 

Por Sudip Kar-Gupta

LONDRES (Reuters) - As ações europeias recuperaram-se nesta terça-feira, impulsionadas por fortes resultados corporativos e acordos de fusão e aquisição após registrar queda nas últimas cinco sessões por receios sobre o crescimento da China.

O índice FTSEurofirst 300 fechou com alta de 1,05 por cento, a 1.545 pontos. O índice tocou uma mínima de duas semanas na segunda-feira.

O índice de blue chips da zona do euro Euro Stoxx 50 subiu 1,2 por cento. Ambos FTSEurofirst 300 e Euro Stoxx 50 acumulam alta de cerca de 13 por cento neste ano.

Entre os acordos vistos, os papeis da Melrose Industries saltaram 9,6 por cento após acertar a venda de sua unidade Elster à Honeywell, enquanto o grupo de engenharia GKN subiu 7,3 por cento após movimentar-se para comprar a Fokker Techonologies.

As ações da Kering subiram 5,6 por cento após a Gucci, principal marca do grupo francês de artigos de luxo, divulgar uma alta nas vendas recorrentes do segundo trimestre.

"O mercado vinha preocupado com incertezas relacionadas à China nos últimos dias, mas estas preocupações estão no segundo plano hoje e as ações estão recebendo um certo apoio de resultados corporativos e fusões e aquisições", disse o chefe de estratégia de ativos do Baader Bank, Gerhard Schwarz.

. Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,77 por cento, a 6.555 pontos.

. Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,06 por cento, a 11.173 pontos.   Continuação...