Vale vende 36,4% da MBR para fundo do Bradesco BBI por R$4 bi

quinta-feira, 30 de julho de 2015 11:43 BRT
 

SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Vale anunciou nesta quinta-feira que fechou a venda de 36,4 por cento do capital da subsidiária Minerações Brasileiras Reunidas (MBR) para um fundo de investimentos do Bradesco BBI por 4 bilhões de reais.

"Essa transação reforça o compromisso da Vale em preservar sua solidez financeira, principalmente nesse momento em que conduz o maior programa de investimento de sua história", afirmou a mineradora em fato relevante.

A MBR é uma subsidiária da qual a Vale era proprietária de 98,3 por cento do capital total até o anúncio da transação desta quinta-feira, que está sujeita à aprovação de autoridades regulatórias do Brasil.

Após a conclusão da operação, a Vale será proprietária, direta e indiretamente, de 61,9 por cento do capital total e de 98,3 por cento do capital com direito a voto da MBR.

A Vale também deterá uma opção de compra das ações do fundo FIP Plus II, cujas cotas são detidas atualmente pelo Bradesco BBI.

A MBR tem ativos para produção, transporte e embarque portuário do minério de ferro, dentre os quais se incluem minas e unidades industriais que foram responsáveis pela produção de cerca de 65 milhões de toneladas de minério de ferro em 2014.

A MBR possui também o Terminal Marítimo de Ilha Guaíba e uma participação de 32,9 por cento na MRS Logística.

RELAÇÕES ENTRE AS EMPRESAS   Continuação...