Obama divulgará plano mais duro contra mudança climática

domingo, 2 de agosto de 2015 12:59 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, vai divulgar na segunda-feira a versão final de um plano para cortar as emissões de gases do efeito estufa por termelétricas a carvão, com o objetivo de estabelecer seu legado contra a mudança climática, disse um alto funcionário do governo.

A revisão do Plano de Energia Limpa vai procurar reduzir as emissões de carbono do setor de energia elétrica em 32 por cento ante os níveis de 2005 em 2030, uma elevação de 9 por cento ante a proposta anterior.

A regulação dará início a uma transformação abrangente do setor elétrico norte-americano, encorajando uma agressiva mudança rumo a mais energias renováveis e afastando a geração via carvão.

Grupos industriais e alguns legisladores de Estados que contam com energia baseada no carvão disseram que vão desafiar o plano nos tribunais e por meio de manobras no Congresso, acusando a administração de um ataque à regulamentação que elevará os preços da energia.

"Minha administração vai lançar a versão final do Plano de Energia Limpa da América, o maior, mais importante passo que jamais demos para combater a mudança climática", disse Obama em um vídeo postado pela Casa Branca à meia noite de domingo.

Obama disse que até agora não houve limites federais para a poluição gerada por usinas a carvão, a maior fonte de emissões de gases do efeito estufa nos Estados Unidos.

(Por Valerie Volcovici; reportagem adicional de Timothy Gardner)