Fluxo cambial fecha julho negativo em US$3,935 bi, diz BC

quarta-feira, 5 de agosto de 2015 12:56 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O fluxo cambial, entrada e saída de moedas estrangeiras do Brasil, ficou negativo em 3,935 bilhões de dólares em julho, terceiro mês consecutivo de déficit, informou o Banco Central nesta quarta-feira.

O resultado foi puxado pela conta financeira --por onde passam os investimentos estrangeiros diretos, em portfólio, entre outros--, que mostrou déficit de 8,376 bilhões de dólares no mês passado, o maior rombo do ano. Também foi o terceiro mês no vermelho dessa conta, com saldo negativo acumulado de 21,565 bilhões de dólares neste período.

O BC informou ainda que, em julho, a conta comercial mostrou superávit de 4,441 bilhões de dólares, quarto mês seguido no azul.

No ano, o fluxo cambial total está positivo em 7,165 bilhões de dólares, bem acima do saldo positivo de 2,355 bilhões de dólares vistos em igual período de 2014. A conta financeira tem déficit de 7,088 bilhões de dólares no período e a comercial, superávit de 14,252 bilhões de dólares.

O dólar retomou a trajetória ascendente em relação ao real no mês passado, avançando mais de 10 por cento e renovando as máximas em doze anos, em meio a preocupações com o quadro político, a economia e a situação fiscal do Brasil.

No mesmo mês, a agência de classificação de risco Standard & Poor's piorou a perspectiva da nota "BBB-" do país, indicando que o Brasil pode perder seu grau de investimento.

(Por Patrícia Duarte)