Encomendas da Airbus ficam atrás de pedidos da Boeing no 1ºsemestre

quinta-feira, 6 de agosto de 2015 09:23 BRT
 

PARIS (Reuters) - A Airbus recebeu 408 encomendas brutas de aeronaves nos primeiros sete meses do ano, disse a fabricante europeia de aviões nesta quinta-feita, ficando atrás da rival Boeing com 426 aeronaves vendidas.

Excluindo os cancelamentos de 24 aviões A320, dez A321 e sete jatos A350-900, a Airbus teve 367 pedidos líquidos no período de 1o de janeiro a 31 de julho. Isto comparado ao total de 380 da Boeing no período encerrado em 28 de julho.

O último mês trouxe 26 novos pedidos para a Airbus, incluindo 25 jatos A321neo para um cliente não revelado.

A Airbus disse também que entregou 353 aeronaves de janeiro a julho, incluindo 15 de seus superjumbos A380.

A companhia projeta que o total de entregas deverá ficar ligeiramente maior este ano, comparado às 629 de 2014.

A Airbus chegou à primeira colocação em encomendas de aviões comerciais no último ano, com um total de 1.796 pedidos brutos e 1.456 vendas líquidas. Mas a empresa não conseguiu fechar a lacuna nas entregas, deixando a Boeing como a maior fabricante de aeronaves do mundo pelo terceiro ano consecutivo.