Índice acionário asiático recua e caminha para terceira queda semanal seguida

sexta-feira, 7 de agosto de 2015 07:38 BRT
 

Por Saikat Chatterjee

HONG KONG/TÓQUIO (Reuters) - O índice que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão tinha leve queda nesta sexta-feira, afastando-se das mínimas vistas no início da sessão da sessão, mas ainda continuava a caminho de marcar a terceira baixa semanal consecutiva, antes da divulgação de importantes dados de empregos nos Estados Unidos.

Às 7h36 (horário de Brasília), o índice MSCI recuava 0,29 por cento, pressionado pela fraqueza das bolsas dos EUA, que veio como resultado de resultados corporativos decepcionantes.

O índice japonês Nikkei subiu 0,3 por cento, anulando as perdas iniciais de investidores realizando lucros após o banco central do Japão manter seu programa de estímulo.

A perspectiva de alta de juros nos EUA tem contribuído para provocar saídas de capital de mercados emergentes. A recente queda das bolsas chinesas e o tombo das commodities também afetando as operações.

Indicadores econômicos positivos nos EUA e declarações "hawkish" de uma autoridade do Fed nesta semana deram força à tese de que o aperto monetário pode vir em breve e pressionaram mercados emergentes. Espera-se que os dados de empregos que serão divulgados nesta sexta-feira tenham um papel crucial na decisão do Fed.

"O relatório de hoje sobre o mercado de trabalho dos EUA provavelmente será de interesse maior que o normal devido à abordagem 'dependente de dados' do Fed sobre política monetária no restante de 2015", disseram estrategistas do Barclays.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,29 por cento, a 20.724 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,73 por cento, a 24.552 pontos.   Continuação...