Forewind reduz planos para maior parque eólico marítimo do mundo

sexta-feira, 7 de agosto de 2015 15:50 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A Forewind reduziu em um terço seus planos de construir parques eólicos em Dogger Bank, no Mar do Norte da Grã Bretanha, que poderá ainda assim se tornar o maior projeto de energia de ventos do mundo, disse nesta sexta-feira.

A Forewind --um consórcio das empresas de energia RWE Innogy, SSE, Statkraft and Statoil -- não deu uma razão específica para a decisão.

A empresa já tinha asseguradas licenças para construir seis projetos na zona marítima de Dogger Bank, cada uma de 1,2 gigawatts (GW) de eletricidade.

O governo já deu consentimento para os parques serem construídos em quatro dos locais, mas a Forewind disse nesta sexta-feira que não buscaria a permissão para o quinto e o sexto.

Apesar da redução, o projeto ainda poderá entregar até 5 por cento das necessidades britânicas de energia, segundo a empresa.

(Por Susanna Twidale)