Gafisa e Tenda manterão lançamentos no 3o tri no mesmo nível do 2o trimestre

segunda-feira, 10 de agosto de 2015 12:42 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Gafisa e a Tenda devem manter no terceiro trimestre o mesmo nível de lançamentos de imóveis de abril a junho, afirmaram executivos das construtoras nesta segunda-feira.

No lado de Gafisa, o presidente da empresa, Sandro Gamba, disse durante teleconferência com analistas que a empresa mostrou vendas abaixo do esperado em julho.

A Gafisa teve lançamentos de 252,6 milhões de reais no segundo trimestre, enquanto a Tenda lançou 229,4 milhões.

Segundo o diretor financeiro da Tenda, Felipe Cohen, a companhia normalmente tem no terceiro trimestre vendas mais fracas ante o período de maio a junho, quando a Caixa promove feirões de imóveis, mas a expectativa é de lançamentos de 250 milhões e 300 milhões de reais de julho a setembro.

As ações da Gafisa, que está se separando da Tenda, exibiam queda de 2,3 por cento às 12h38, enquanto o Ibovespa mostrava alta de cerca de 1 por cento.

A companhia divulgou na noite de sexta-feira que encerrou o segundo trimestre com lucro líquido de 28,5 milhões de reais, revertendo prejuízo de 851 milhões sofrido um ano antes, mas queda de 10 por cento sobre o resultado positivo dos três primeiros meses de 2015.

Cohen afirmou que os bancos continuam se mostrando "cada vez mais restritivos" na oferta de crédito, devido à combinação de aumento do desemprego, queda de renda, além da prudência para evitar uma carteira futura de empréstimos de menor qualidade.

O presidente da Tenda, Rodrigo Osmo, afirmou que a empresa está estruturada para ampliar lançamentos, mas que o banco de terrenos está limitando a expansão.

"Não estamos com banco de terrenos robusto e, mesmo se estivéssemos, o processo de transformar isso em lançamentos é demorado e complexo(...) Muito da energia da companhia esta focado em aumentar lançamentos", afirmou o executivo.   Continuação...