Bovespa recua 1,4% com temor de aumento da tributação sobre empresas e bancos

quarta-feira, 12 de agosto de 2015 17:13 BRT
 

SÃO PAULO(Reuters) - O principal índice da Bovespa fechou no menor patamar em cinco meses nesta quarta-feira, com investidores preocupados com a chance de aumento da tributação sobre empresas e bancos, o que ofuscou a decisão da Moody's de cortar o rating soberano do Brasil, mas melhorar a perspectiva da nota do país para estável.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa caiu 1,43 por cento, a 48.369 pontos, menor patamar de fechamento desde 10 de março. O volume financeiro totalizava aproximadamente 7,4 bilhões de reais, ainda sem incluir o giro movimentado no exercício dos contratos de opções sobre o Ibovespa nesta sessão.

(Por Paula Arend Laier)