Bovespa fecha em queda de 0,9% pressionada por Petrobras e bancos

quinta-feira, 13 de agosto de 2015 17:06 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa fechou em queda nesta quinta-feira pelo terceiro pregão seguido, atingindo o menor nível em cerca de seis meses, com Petrobras entre as maiores pressões negativas em meio ao recuo dos preços do petróleo.

Ações de bancos também voltaram a pesar por preocupações diante do risco de maior tributação no setor financeiro, com Banco do Brasil caindo cerca de 3,5 por cento também afetado pela repercussão desfavorável do seu resultado trimestral.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa caiu 0,88 por cento, a 47.960 pontos, menor patamar desde 2 de fevereiro. O giro financeiro totalizava 5,16 bilhões de reais.

(Por Paula Arend Laier)