Relator concorda em mudar texto de projeto que altera FGTS, diz líder do governo

terça-feira, 18 de agosto de 2015 12:05 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O relator na Câmara dos Deputados do projeto de lei que altera a remuneração do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), Rodrigo Maia (DEM-RJ), concordou em fazer mudanças no texto que prevê que os valores depositados no fundo tenham o mesmo índice de correção da poupança, disse o líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE).

Após reunião com Maia e o vice-presidente e articulador político do governo, Michel Temer, Guimarães não deu detalhes sobre as possíveis mudanças no texto e disse que o governo dialoga com o relator da matéria para definir as alterações. A proposta da forma que está desagrada o Planalto, que teme impactos sobre o programa Minha Casa Minha Vida, já que o FGTS é um importante financiador do setor de habitação.

(Reportagem de Leonardo Goy)