Aneel estuda antecipar pagamento da Eletrobras por combustível da Petrobras

terça-feira, 18 de agosto de 2015 13:06 BRT
 

Por Luciano Costa

SÃO PAULO (Reuters) - A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) estuda antecipar pagamentos da Eletrobras à Petrobras e à BR Distribuidora por gás e óleo utilizados para gerar energia no Norte do país, com o objetivo de evitar a acumulação de dívidas, como as que já motivaram duas renegociações bilionárias entre as estatais.

Segundo proposta da Aneel colocada em audiência pública, a Eletrobras ficaria autorizada a repassar diretamente à Petrobras recursos recolhidos por um encargo cobrado nas contas de luz, destinado a subsidiar a geração térmica em regiões isoladas do país.

Hoje, as distribuidoras de energia da Eletrobras que atuam em Estados da região Norte, como Amazonas, Rondônia, Acre e Roraima, ficam responsáveis por pagar os combustíveis à Petrobras, sendo posteriormente reembolsadas pelo encargo, cujos repasses são gerenciados pela própria Eletrobras.

Segundo nota técnica da Aneel, a Eletrobras alega que o valor das faturas de combustível "é muitas vezes superior a toda

a arrecadação mensal" de suas distribuidoras, que "não têm condições financeiras de sustentar a aquisição antecipada dos

combustíveis".

A situação levou a Eletrobras aprovar, na semana passada, uma repactuação de 3,3 bilhões de reais em dívidas com a Petrobras e a BR Distribuidora, a serem pagas em 18 parcelas mensais.

Em dezembro de 2014, a estatal já havia aprovado outra repactuação de débitos com a petroleira, no valor de 8,5 bilhões de reais, a serem quitados em 120 parcelas.   Continuação...