Comércio exterior eleva crescimento da Alemanha no 2º tri, mas demanda doméstica pesa

terça-feira, 25 de agosto de 2015 07:13 BRT
 

BERLIM (Reuters) - O comércio exterior foi o principal motor de crescimento econômico na Alemanha no segundo trimestre deste ano mas a demanda doméstica pesou, mostraram dados da agência de estatísticas da Alemanha nesta terça-feira.

Dados com ajuste sazonal confirmaram leitura preliminar apontando que o Produto Interno Bruto (PIB) cresceu 0,4 por cento no trimestre entre abril e junho. O comércio exterior somou 0,7 ponto percentual à expansão, enquanto a demanda doméstica subtraiu 0,3 ponto.

(Texto de Paul Carrel)