Irã diz que vai recuperar paticipação no mercado de petróleo após fim de sanções

terça-feira, 25 de agosto de 2015 08:22 BRT
 

DUBAI (Reuters) - O Irã irá aumentar sua produção de petróleo e recuperar a parcela perdida de exportações, pouco após o alívio de sanções ao país, disse o ministro do Petróleo iraniano, Bijan Zanganeh, nesta terça-feira.

O Irã e seis potências mundiais chegaram a um acordo em julho para deter o programa nuclear de Teerã, mas sanções impostas em 2012 não serão suspensas até que o Irã cumpra todos os termos do pacto.

O ministro das Relações Exteriores da Grã-Bretanha disse na segunda-feira que sanções internacionais ao Irã devem começar a ser suspensas no primeiro semestre do ano que vem.

Durante entrevista coletiva a jornalistas em Teerã, Zanganeh disse que o Irã deveria vender seu petróleo independentemente do preço.

"Devemos vender nosso petróleo mesmo se o preço cair ou subir para 100 dólares (um barril). Mesmo querendo vender nosso petróleo mais caro, o preço é determinado pelo mercado", disse Zanganeh segundo a Shana, agência de notícias do Ministério do Petróleo.

"Após o fim das sanções, o Irã vai recuperar a parcela que perdeu no mercado, de mais de 1 milhão de barris por dia", acrescentou.

(Reportagem de Sam Wilkin e Bozorgmehr Sharafedin)

 
Ministro do Petróleo iraniano, Bijan Zanganeh, durante evento em Viena.  11/06/2014  REUTERS/Heinz-Peter Bader