Leilão de energia solar contrata 834 MW, a preço médio de R$ 301,79 por MWh

sexta-feira, 28 de agosto de 2015 17:53 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O leilão de energia solar realizado nesta sexta-feira contratou 833,8 megawatts-pico em usinas, a um preço médio de 301,79 reais por MW, o que representa um desconto de 13,5 por cento frente ao teto estabelecido, após mais de sete horas de disputa, segundo informações da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) disse que o total contratado representa 1.043 megawatts em capacidade instalada.

O certame viabilizou usinas na Bahia, Minas Gerais, Paraíba, Piauí e Tocantins, que representarão investimentos de cerca de 4,3 bilhões de reais, ainda segundo a CCEE.

Entre as vencedoras do leilão aparecem a italiana Enel Green Power, com 14 usinas, e a joint venture entre a norte-americana SunEdison e a brasileira Renova, com dois parques.

Os projetos representam 2.315 megawatts médios em energia elétrica, sendo que a energia negociada representará um giro financeiro de 12,2 bilhões de reais ao longo dos 20 anos de contrato.

As usinas precisarão iniciar a entrega de energia a partir de agosto de 2017.

O certame, promovido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), teve início às 10 horas, com um preço teto de 349 reais por megawatt-hora e participação de 341 projetos.

(Por Luciano Costa)