PMI de indústria da zona do euro desacelera em agosto apesar de alta modesta de preços

terça-feira, 1 de setembro de 2015 08:42 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O crescimento industrial da zona do euro desacelerou em agosto, apesar do leve aumento dos preços das fábricas, ampliando as preocupações do Banco Central Europeu (BCE) no momento em que busca impulsionar a inflação e a expansão, mostrou nesta terça-feira a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês).

O PMI final de indústria do Markit atingiu 52,3 no mês passado, abaixo da preliminar que havia sugerido estabilidade ante os 52,4 de julho. O índice está, entretanto, acima da marca de 50 que separa crescimento de contração há mais de dois anos.

O subíndice de produção avançou para 53,9 ante 53,6, acima da preliminar de 53,8.

"Por países, Holanda, Itália e Irlanda continuaram a ser os mais impressionantes", disse o economista sênior do Markit Rob Dobson. "Embora tenha havido sinais de desaceleração do crescimento da indústria nesses países, isso foi amplamente compensado por uma aceleração sólida na Alemanha."

(Reportagem de Jonathan Cable)

 
Funcionária trabalhando em fábrica automotiva em Cleon, na França.  18/06/2015   REUTERS/Philippe Wojazer