Produção de cerveja sobe e tem melhor agosto desde 2012

terça-feira, 1 de setembro de 2015 12:25 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A produção brasileira de cerveja subiu 3,5 por cento em agosto sobre o mesmo período do ano passado e cresceu 9 por cento na comparação com julho, no melhor desempenho para o mês desde 2012, segundo dados recolhidos pela Receita Federal.

As cervejarias do país produziram cerca de 10,760 milhões de hectolitros da bebida no mês passado ante 10,398 milhões no mesmo período do ano passado e 9,84 milhões de em julho. A produção de agosto de 2012 havia sido de 11,2 milhões de hectolitros.

A produção acumulada nos dois primeiros meses do terceiro trimestre soma 20,6 milhões de hectolitros, queda ante os 20,9 milhões de julho e agosto do ano passado.

Apesar de o declínio ocorrer em meio a um dos invernos mais quentes já registrados na história recente do país, a base de comparação é mais forte diante da Copa do Mundo, encerrada no meio de julho do ano passado.

Segundo os dados do Sistema de Controle de Produção de Bebidas (Sicobe), da Receita Federal, a produção do terceiro trimestre de 2014 havia sido de cerca de 31,5 milhões de hectolitros de cerveja. Com isso, para se equiparar ao terceiro trimestre do ano passado, a produção de setembro terá que somar 10,9 milhões de hectolitros, acima dos 10,6 milhões de um ano antes.

As ações da Ambev, que detém cerca de 68 por cento do mercado brasileiro de cerveja, caíam 0,79 por cento às 12h14, enquanto o Ibovespa mostrava desvalorização de 1,75 por cento.

Em refrigerantes, a produção da indústria brasileira em agosto somou 11,6 milhões de hectolitros, acima dos 10,7 milhões de julho, mas ligeiramente abaixo dos 12 milhões de agosto do ano passado. O desempenho de agosto em refrigerantes foi o menor para o mês desde pelo menos 2010.

(Por Alberto Alerigi Jr.)