Petroleiros anunciam greve na Petrobras a partir de sexta-feira

terça-feira, 1 de setembro de 2015 20:11 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Federação Única dos Petroleiros (FUP) informou nesta terça-feira à Petrobras que trabalhadores da companhia farão greve por tempo indeterminado a partir da sexta-feira, 4 de setembro, em todas as unidades administrativas e operacionais da empresa e nas instalações da Transpetro.

Os sindicatos filiados à FUP farão assembleias para ratificar os indicativos.

"A nova greve dos petroleiros ocorrerá em protesto ao novo Plano de Negócios da Petrobras, que representa um verdadeiro desmonte da empresa, cujos impactos já estão ocorrendo em várias unidades do país, com milhares de demissões de trabalhadores terceirizados e cortes em despesas, que colocam em risco conquistas históricas da categoria", disse a entidade em nota publicada em seu site.

A empresa quer vender 15,1 bilhões de dólares em ativos até o fim de 2016 como forma de reduzir seu elevado endividamento.

A Petrobras disse em nota na noite desta terça-feira que foi informada pela FUP sobre a greve e que agendou reunião com os representantes sindicais na quinta-feira para tratar do processo de negociação do acordo coletivo 2015.

A Petrobras afirmou ter recebido da FUP uma pauta, na qual "constam itens relativos ao plano de negócios e gestão da companhia".

(Por Gustavo Bonato)