BCE reduz teto de assistência emergencial a bancos gregos após liquidez melhorar

quinta-feira, 3 de setembro de 2015 08:54 BRT
 

ATENAS (Reuters) - O Banco Central Europeu (BCE) reduziu, nesta quinta-feira, o teto da assistência de liquidez emergencial (ELA, na sigla em inglês) que os bancos da Grécia podem acessar junto ao banco central grego para 89,1 bilhões de euros, ante 89,7 bilhões de euros anteriormente, disse uma fonte do setor bancário.

"O teto da ELA foi reduzido devido a condições e entradas normalizando-se", disse à Reuters a fonte, falando sob condição de anonimato.

Os bancos gregos, que ficaram fechados por três semanas no verão (do hemisfério norte), têm contado com o financiamento de emergência nos últimos meses depois de uma onda de saques.

(Por George Georgiopoulos)