Italiana Enel conclui usinas solares integradas a parque eólico em Pernambuco

quinta-feira, 3 de setembro de 2015 11:30 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A elétrica italiana Enel Green Power anunciou nesta quinta-feira que concluiu e conectou à rede duas usinas de energia solar em Pernambuco, que somam 11 megawatts em potência e foram implementadas na mesma área ocupada por um parque eólico da empresa, já em operação.

Com a produção solar combinada à usina eólica, que tem 80 megawatts em capacidade, a Enel diz que será possível gerar cerca de 340 gigawatts-hora de eletricidade por ano, o que atenderia a demanda de cerca de 170 mil domicílios.

Os empreendimentos solares receberam investimentos de 18 milhões de dólares da Enel, que disse em nota que a planta híbrida "vai garantir a produção de energia mais estável e reduzir os efeitos da variabilidade das condições metereológicas".

As usinas solares foram viabilizadas em um leilão promovido em dezembro de 2013 pelo governo de Pernambuco, que será o comprador da produção dos empreendimentos.

A Enel Green Power informou que, com a conclusão desses projetos, passa a deter uma capacidade instalada de 388 megawatts no país.

A empresa ainda possui contratos para implementar 807 megawatts em usinas solares, resultantes de dois leilões realizados pelo governo federal para projetos fotovoltaicos desde 2014.

(Por Luciano Costa)