Janot faz pedido ao STF para investigar campanhas de Lula e Dilma, diz Estadão

sábado, 5 de setembro de 2015 15:03 BRT
 

(Reuters) - O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou pedidos ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar as campanhas da presidente Dilma Rousseff em 2010 e 2014 e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2006, no âmbito da operação Lava Jato, segundo o jornal o Estado de São Paulo.

De acordo com o site do Estadão, as solicitações foram feitas com base em depoimento sob acordo de delação premiada do empresário Ricardo Pessoa, dono da UTC Engenharia, um dos delatores do esquema bilionário de corrupção envolvendo a Petrobras, empreiteiras e partidos políticos.

Em seu depoimento, Pessoa detalhou repasses de 3,6 milhões de reais entre 2010 e 2014 para o ex-tesoureiro da campanha de Dilma, José de Filippi, e o ex-tesoureiro nacional do PT João Vaccari Neto, além de ter mencionado doações à campanha de Lula em 2006, segundo a reportagem do Estadão.