Ministro alemão das Finanças quer lidar com crise de refugiados sem novas dívidas

terça-feira, 8 de setembro de 2015 08:57 BRT
 

BERLIM (Reuters) - O ministro alemão das Finanças, Wolfgang Schaeuble, disse nesta terça-feira que seu governo quer lidar com o grande fluxo de refugiados sem contrair dívidas novas.

Em uma reunião na noite do domingo, líderes da coalizão do governo da chanceler, Angela Merkel, concordaram em liberar seis bilhões de euros adicionais para custear o fluxo recorde de pessoas.

"Queremos fazer isso sem emitir novas dívidas. Não devemos repassar a conta das tarefas diante de nós agora para as gerações futuras", disse Schaeuble ao Parlamento alemão.

(Por Michelle Martin e Paul Carrel)

 
Ministro alemão das Finanças, Wolfgang Schaeuble, durante sessão parlamentar, em Berlim.   08/09/2015  REUTERS/Fabrizio Bensch