Índices europeus caem, mas ganho semanal é o maior em 2 meses

sexta-feira, 11 de setembro de 2015 14:11 BRT
 

Por Atul Prakash

LONDRES (Reuters) - As ações europeias caíram pelo segundo dia consecutivo nesta sexta-feira, pressionadas pelas ações da farmacêutica suíça Actelion, mas o índice FTSEurofirst 300 ainda assim registrou o maior ganho semanal desde julho.

O índice FTSEurofirst 300 .FTEU3 fechou com queda de 0,99 por cento, a 1.401 pontos, mas na semana avançou 0,7 por cento.

As ações da Actelion ATLN.VX caíram 5,4 por cento, a maior queda do índice. Analistas do HSBC disseram que uma oferta da Actelion pela ZS Pharma pode destruir o valor para seus acionistas, após a Bloomberg noticiar que a Actelion fez uma oferta de 2,5 bilhões de dólares. As duas companhias confirmaram que conversaram, mas não se foi sobre uma aquisição.

Os mercados acionários estiveram sob pressão com preocupações de que o crescimento da China está enfraquecendo. Mas eles têm se estabilizado desde que reguladores chineses intervieram no mercado, com alguns investidores apostando que a incerteza recente vai dissuadir o Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, de elevar a taxa de juros na próxima semana.

"Se o Fed não aumentar os juros neste mês, nós podemos ver um salto. Mas os investidores começarão a pensar que uma alta virá em outubro. Essa situação não é boa para os mercados", disse o chefe de serviços de investimento da Crossbridge Capital, Manish Singh.

Em LONDRES, o índice Financial Times .FTSE recuou 0,62 por cento, a 6.117 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,85 por cento, a 10.123 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 .FCHI perdeu 1,04 por cento, a 4.548 pontos.   Continuação...