Petroleiras dos EUA reduzem atividade de perfuração de poços por queda nos preços

sexta-feira, 11 de setembro de 2015 14:57 BRT
 

(Reuters) - As empresas de energia dos Estados Unidos cortaram o número de sondas de perfuração de poços de petróleo pela segunda semana seguida, mostraram dados nesta sexta-feira, um sinal de que os mais recentes declínios das cotações podem ser a causa de alguns perfuradores terem adiado seus planos anunciados recentemente para retomar produção.

Petroleiras retiraram de operação 10 sondas na semana encerrada em 11 de setembro e 13 na semana encerrada em 4 de setembro, levando a contagem total de sondas para 652, após terem adicionado sondas em seis das últimas oito semanas, disse a empresa de serviços de petróleo Baker Hughes em um aguardado relatório semanal.

Este foi o maior declínio em duas semanas desde o início de maio.

Em resposta à queda dos preços, a produção de petróleo dos EUA caiu ao longo das últimas semanas com a produção atual diminuindo para 9,1 milhões de barris por dia (bpd) na semana passada ante uma média de 9,6 milhões de bpd entre o fim de maio e o meio de julho, a mais alta desde o início dos anos 1970, de acordo com dados do governo.

(Por Scott DiSavino)