Diretor do BC diz que formação do câmbio no país não foi afetada por manipulação

terça-feira, 15 de setembro de 2015 12:05 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O diretor de Política Monetária do Banco Central, Aldo Mendes, afirmou nesta terça-feira que os operadores estrangeiros investigados por manipulação do câmbio não conseguem atuar na formação da taxa cambial no país.

"A taxa de câmbio no Brasil é 100 por cento feita no país, o Brasil está fechado", disse ele, que foi chamado à Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado para debater possíveis avanços na regulação do mercado de câmbio e as recentes denúncias de formação de cartel para manipulação da taxa de câmbio no Brasil.

(Por Marcela Ayres)