Wall St sobe conforme se aproxima decisão do Fed

terça-feira, 15 de setembro de 2015 17:52 BRT
 

Por Noel Randewich

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos subiram mais de 1 por cento nesta terça-feira, após dados mostrarem crescimento saudável nos gastos dos consumidores, mas não retirarem a incerteza sobre se o Federal Reserve, banco central dos EUA, vai elevar a taxa de juros na reunião desta semana.

O índice Dow Jones subiu 1,40 por cento, a 16.599 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 1,28 por cento, a 1.978 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 1,14 por cento, a 4.860 pontos.

Especulações sobre quando o Fed vai começar a elevar a taxa de juros têm influenciado Wall Street há meses, com o cenário se complicando após a recente turbulência nos mercados, vista por alguns como motivo para o banco central norte-americano segurar o aumento.

"O debate sobre o Fed continua, mas o Fed será mais prejudicial se esperar até dezembro para elevar os juros do que se começar o processo de normalização", disse o estrategista-chefe de mercado da Wunderlich Securities, Art Hogan.

"Se eles não elevarem os juros esta semana será um sinal ruim".

O Departamento do Comércio informou que o núcleo das vendas no varejo subiu 0,4 por cento em agosto, após a alta de 0,6 por cento em julho, segundo dado revisado para cima. Este foi o último sinal de ímpeto robusto da economia e sinalizou que a recente baixa no mercado acionário teve pouco impacto nos gastos dos consumidores norte-americanos.

Os 10 principais índices setoriais do S&P 500 subiram, com o industrial avançando 1,68 por cento e liderando os ganhos e com as ações da GE subindo 2,14 por cento.