China planeja gastar rapidamente 200 bi de iuanes de fundos não usados, diz autoridade

quarta-feira, 16 de setembro de 2015 10:33 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A China planeja investir o quanto antes cerca de 200 bilhões de iuanes (31,4 bilhões de dólares) dos fundos fiscais não gastos , disse uma autoridade do planejamento estatal, acrescentando que não é correto que autoridades tenham confiscado fundos não usados de governos locais no total de 1 trilhão de iuanes.

A Reuters noticiou na segunda-feira que autoridades chinesas irritadas confiscaram até 1 trilhão de iuanes não utilizados de governos locais que falharam em investir em projetos de grandes orçamentos a fim de não se envolver em investigações anticorrupção.

Quando questionado nesta quarta-feira sobre a notícia, Xu Kunlin, chefe do escritório de investimento da Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma, disse que o número de 1 trilhão de iuanes "não deve ser considerado autêntico".

"Meu entendimento da situação é de que algo em torno de 200 bilhões de iuanes de fundos não utilizados foram liberados", disse Xu, sem mais elaborações.

"O foco está em reajustar o uso destes fundos", disse, acrescentando que o dinheiro será reinvestido tão logo seja possível em vários grandes projetos de construção. Mas nenhuma detalhe foi dado.

Orçamentos fiscais não gastos são um grande peso para a economia chinesa em um ano em que o crescimento está a caminho de ser o menor em 25 anos.

(Por Koh Gui Qing)