Fed inicia reunião de 2 dias para decidir sobre juros

quarta-feira, 16 de setembro de 2015 14:24 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - O Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, deu início nesta quarta-feira a uma reunião de dois dias que, segundo as expectativas ligeiramente majoritárias, deve terminar sem uma alta de juros.

Integrantes do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) estão aliando aumentar os juros para evitar que a economia norte-americana, que vem se fortalecendo, superaqueça, decisão que pode afetar os mercados financeiros em todo o mundo.

A reunião começou às 14h (horário de Brasília), informou uma autoridade do Fed por email. Após a reunião de quarta-feira, o Fomc se encontrará novamente na manhã de quinta-feira e anunciará a decisão às 15h.

Bancos e fundos de investimento globais entendem que a chance de um aumento de juros é, essencialmente, a mesma de manutenção. A maioria dos especialistas, no entanto, vê probabilidade um pouco maior de a taxa de juros ser mantida.

Em pesquisa da Reuters com 80 economistas, 45 disseram que o Fed vai manter a taxa entre 0 e 0,25 por cento. Trinta e cinco esperavam aumento.

Entre operadores primários, 12 bancos esperam que o Fed mantenha os juros e os 10 remanescentes projetam um aumento.

As apostas nos mercados financeiros sugerem que investidores veem uma chance em cinco de aumento dos juros.

(Reportagem de Jason Lange)