Bolsas da China devolvem ganhos em meio a investigação de corrupção

quinta-feira, 17 de setembro de 2015 07:21 BRT
 

XANGAI (Reuters) - As bolsas de valores da China recuaram mais de 2 por cento nesta quinta-feira, com uma forte queda nos últimos 30 minutos de pregão revertendo os ganhos de mais cedo, o que revela a fragilidade da confiança dos investidores diante do aprofundamento da ofensiva anticorrupção de Pequim sobre o setor financeiro.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 2,18 por cento para 3.236 pontos, enquanto o índice de Xangai teve queda de 2,08 por cento, para 3.086 pontos.

Na quarta-feira, a China anunciou investigação envolvendo o presidente assistente do regulador de valores mobiliários, um dia após a CITIC Securities dizer que muitos executivos de alto escalão, incluindo seu gerente geral, estavam sendo investigados.

"O combate à corrupção é bom para o mercado no longo prazo", disse Samuel Chien, um sócio do gestor de fundos de hedge BoomTrend Investment Management. "Mas no curto prazo, o mercado vai provavelmente vai oscilar conforme os investidores observam o que virá a seguir."